[et_social_follow icon_style="simple" icon_shape="circle" icons_location="top" col_number="auto" spacing="true" outer_color="dark"]
AMFRITEC abre inscrições para cursos de tecnologia

AMFRITEC abre inscrições para cursos de tecnologia

As inscrições para os cursos voltados ao setor de tecnologia da região da Foz do Itajaí estão abertas. A ação do AMFRITEC chamada de Geração TEC abrirá nesta semana 275 vagas em 11 cursos nos temas e-commerce, help desk, Java, marketing digital, .Net, PHP, redes sociais e web-design. Os cursos são gratuitos e de curta duração. As aulas ocorrerão em Itajaí e Balneário Camboriú já no mês de setembro. As inscrições podem ser feitas pelo link bit.ly/geracaotec2019. O processo seletivo tem pré-requisitos: serão selecionadas pessoas de todos os municípios da região com 17 anos ou mais, que tenham concluído o ensino médio e que não estejam trabalhando no setor de tecnologia. Os inscritos precisam de conhecimentos básicos em informática. Inscreva-se agora no Geração TEC “O Geração TEC capacitará os jovens para as demandas existentes no mercado de trabalho do segmento de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) da região da Foz do Itajaí”, explica a coordenadora do AMFRITEC, professora Valéria Bennack, da UFSC. O AMFRITEC é uma iniciativa da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) com recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). Para a execução do AMFRITEC, a UFSC contratou a Rede Catarinense de Inovação (Recepeti). As capacitações do Geração TEC foram elaboradas a partir de mapeamento do setor de TIC realizado no primeiro semestre também pelo AMFRITEC. Os dados apontam que, até o final deste ano, haverá 261 vagas abertas no setor na região. A intenção do Geração TEC é promover a capacitação profissional inicial para que jovens e adultos da própria região possam suprir a demanda das empresas locais. Ao todo 68 empresas...
AMFRITEC lança ações de capacitação de crianças e jovens na região da Foz do Itajaí

AMFRITEC lança ações de capacitação de crianças e jovens na região da Foz do Itajaí

Crianças e jovens de todos os municípios da região da Foz do Itajaí receberão capacitações para inovação nas próximas semanas. O lançamento dessas ações aconteceu nesta terça-feira (20) na sede da AMFRI e fazem parte do Projeto AMFRITEC, iniciativa da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) com recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). Serão cerca de 10 mil crianças da rede municipal pública de educação da região e outros 325 jovens e adultos beneficiados. Crianças de 8 a 12 anos participarão o programa “Programando o Futuro”. Nele, os alunos desenvolverão atividades lúdicas para estimular a criatividade e o raciocínio lógico a partir de uma metodologia desenvolvida no MIT, um dos mais importantes centros de tecnologia do mundo. Conceitos de linguagens de programação correspondem a uma parte importante das atividades, que incluem gincanas e jogos entre os alunos em um cronograma de 40 horas/aula no contraturno escolar. Segundo a coordenadora do AMFRITEC, professora Valéria Bennack, da UFSC, a iniciativa irá consolidar o ecossistema de inovação regional nas próximas décadas. “O Programando o Futuro irá expandir o horizonte destas crianças para a inovação, que ditará as regras do mercado de trabalho nos próximos anos, e elas estarão mais preparadas para contribuir com o futuro que estamos vislumbramos para a região, no qual a inovação será o motor do desenvolvimento socioeconômico regional”. Serão cerca de 10 mil crianças participantes até o final deste ano do programa. O número de estudantes atendidos corresponde a um terço do total de estudantes matriculados no ensino fundamental público na região da Foz do Itajaí. Os professores da rede municipal receberam capacitação para...

Assembleia Geral Extraordinária

Edital de Convocação Nos termos do Art. 11, Parágrafo Segundo, Art. 12, Incisos I e II, Parágrafo Primeiro, do Estatuto Social, convoco os membros da Diretoria Executiva, Conselho Fiscal e os associados da Rede Catarinense de Inovação – RECEPETi para Reunião Extraordinária da Assembleia Geral, a realizar-se em sua sede, à SC 401, Km 1, nº 600, Ed. Inova@SC, ParqTec Alfa, João Paulo, nesta cidade de Florianópolis/SC, no dia 19 de agosto de 2019, às 11h, em primeira convocação, havendo quórum, ou às 11h30min, em segunda convocação com qualquer número de pessoas presentes, para o fim de deliberarem sobre a seguinte pauta: Alteração do Estatuto Social para qualificação como OSCIP.Substituição, a pedido, do Diretor Financeiro.Assuntos Gerais. Florianópolis, 12 de agosto de 2019. Acesso o edital...
Região da Foz do Itajaí tem 261 vagas abertas no setor de tecnologia

Região da Foz do Itajaí tem 261 vagas abertas no setor de tecnologia

O setor de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) nos onze municípios da Foz do Rio Itajaí tem 261 vagas, abertas ou previstas até o final de 2019. Os dados são do mapeamento realizado pelo projeto AMFRITEC e ajudarão na elaboração de cursos de capacitação gratuitos e com abrangência regional. O AMFRITEC é uma iniciativa da Universidade Federal de Santa Catarina, com financiamento do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). “O projeto busca qualificar profissionais para o mercado local e prepará-los para os empregos do futuro que devem surgir na região com a evolução do ecossistema de inovação que estamos incentivando com o AMFRITEC”, explica a coordenadora do projeto, a professora Valéria Bennack, da UFSC. O mapeamento contou com a participação de 68 empresas entre 20 de maio e 14 de junho. Por cidade, as principais contribuições vieram de Itajaí, Luiz Alves, Balneário Camboriú, Bombinhas e Camboriú. O AMFRITEC recebeu a colaboração das associações comerciais e industriais e das câmaras de dirigentes logistas dos municípios para a mobilização do segmento empresarial. Além das vagas diretamente relacionadas com o setor de tecnologia, os empresários também foram convidados a indicar vagas para posições de gestão empresarial, gestão financeira e planejamento estratégico. De acordo com a pesquisa, há interesse em qualificar 601 funcionários em áreas específicas. Cursos de capacitação em TIC A consolidação dos dados permitiu montar a grade de cursos. Serão oito áreas contempladas em 13 turmas: Java, PHP, .NET, help desk, marketing digital, redes sociais, e-commerce e web design. Juntas estas áreas correspondem a 211 das 261 vagas mapeadas no setor de TIC. Nos próximos dias, começará a...
Programa Centelha SC abre inscrições para ideias inovadoras

Programa Centelha SC abre inscrições para ideias inovadoras

O Programa Centelha SC está com inscrições abertas para fomentar ideias inovadoras de empreendedores catarinenses. O programa, promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), visa estimular a criação de empreendimentos inovadores e disseminar a cultura do empreendedorismo em todo o país. As inscrições vão até 31 de julho e devem ser feitas pelo site www.programacentelha.com.br/sc. Os projetos selecionados receberão até R$60 mil em subvenção econômica da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (FAPESC) – instituição responsável pela execução em Santa Catarina –, e também terão acesso a capacitações online e suporte para o desenvolvimento do produto do negócio. Além do MCTIC e da Finep, o Centelha SC tem parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap). O programa é operado pela Fundação CERTI. A RECEPETI apoia institucionalmente a iniciativa. Como funciona Na primeira fase do Programa Centelha SC, os interessados deverão apresentar suas ideias de negócio e a equipe de trabalho. O objetivo é verificar se a ideia é inovadora e traz benefícios para a região e o seu potencial de mercado. Passam para a segunda fase até 200 propostas, e os selecionados devem, então, elaborar um projeto de empreendimento, detalhando o plano de negócio executivo com o objetivo de demonstrar as chances da ideia gerar um bom negócio. A terceira fase – pela qual passam até 100 das propostas ainda em jogo – consiste no desenvolvimento de um projeto de fomento, com apresentação detalhada do orçamento...